Tales de Mileto

Kit Só Escola Autismo

Tales de Mileto (624-546 a.C) é conhecido como o primeiro filósofo ocidental da história, diversos teoremas são atribuídos a ele, o mais famoso é chamado de “Teorema de Tales” e diante de uma fase a qual o mito e superstições ainda permaneciam, o filósofo usou a razão para compreender o mundo, ou seja, foi um dos primeiros pensadores a tentar encontrar explicações naturais e racionais para os fatos mundanos.

Tales não é considerado o primeiro matemático, mas as suas ideias foram suficientemente poderosas para que as suas descobertas sobrevivessem ao longo do tempo.

O filósofo buscou identificar a origem da vida (arché) e a ordem e estrutura do universo (cosmologia), não esquecendo de mencionar que também fez parte da escola Jônica e foi considerado o “Pai da Ciência” e da “ Filosofia Ocidental”, vamos entender um pouco mais de Tales de Mileto?

BREVE BIOGRAFIA

Tales de Mileto

Tales de Mileto viveu por volta de 625 a.C até 550 a.C, nasceu na cidade grega de Mileto antiga colônia grega que hoje está localizada na costa da Turquia, devido ao tempo em que surgiu, os seus escritos foram perdidos na história, no entanto existem referências de Tales  em filósofos importantes como Aristóteles (385-368 a.C) e Diógenes Laércio (180-240 d.C)

Mesmo com tão pouco sobre Tales, tudo indica que o filósofo foi brilhante e reconhecido como um dos sete sábios da Grécia visto não apenas como um matemático, mas sim um intelectual e conhecedor de diversas áreas.

Tales andou por diversos lugares e em uma das suas visitas no Egito, o filósofo teria aprendido a geometria e a matemática egípcia, além de ter sido um comerciante de sucesso em sua cidade natal, não esquecendo de mencionar que o filósofo posteriormente começou a dar aulas na escola de Mileto, fundação essa própria.

 Apesar dos seus textos não terem sobrevivido, é entendido que tinha grande domínio em geometria e na área da astronomia, tanto, que se atribuem a ele a primeira previsão entre os gregos de um eclipse total do sol ocorrido em 585 a.C.

Portanto, a sua localização da Constelação da Ursa Menor possibilitou uma maior orientação de navegadores por essa constelação.

Logo após todas as informações adquiridas dentro da matemática, Tales de mileto aplica os seus conhecimentos formulando o famoso “Teorema de Tales” dentro da geometria.

Na escola Jônica teve como principais discípulos Anaximandro (610-546 a.C) e Anaximes (588-524 a.C), ambos ficaram conhecidos como “Milesianos” e poucos tem o conhecimento que os filósofos eram adeptos a chamada filosofia embasada em deuses antropomórficos, ou seja, eles atribuíam aspectos humanos aos deuses e principalmente nos fenômenos naturais.

Tales de Mileto veio a falecer por volta de 556-558 a.C em sua cidade de origem.

ARCHÉ COMO PRINCIPIO FUNDAMENTAL

Todos os filósofos pré-socráticos procuravam na arché o principio ou origem de todas as coisas, tanto que se tornou um símbolo ou até mesmo uma tradição entre os filósofos da primeira fase da filosofia, em linhas gerais, a arché, é a busca do principio de toda a natureza.

 Por esse fato, além dos primeiros filósofos serem reconhecidos como pré-socráticos também se encaixam como cosmólogos, pois buscavam uma origem racional para o universo (cosmologia). A palavra cosmologia no grego antigo é divida em cosmo: universo e logica: origem em logos, a mesma pode ser considerada como o estudo e organização racional.

Nesse sentido, a cosmologia para ser matéria básica de toda origem necessita de 4 princípios fundamentais:

  • Ser capaz de mudar;
  • De mover-se;
  • Essencial para a criação da vida e das coisas;
  • Principio que pode ser formado a partir de uma substância ou matéria. .

PRINCIPAIS IDEIAS

Tales de Mileto é conhecido por ter rompido gradualmente com a tradição mitológica e ter buscado a origem de todas as coisas a partir de uma lógica racional, sabemos que a mitologia era a principal forma de explicação dos fenômenos da natureza.

Assim, através de suas pesquisas e observações acerca dos lugares a qual chegou a visitar, o filósofo notou que a água é fundamental para a manutenção da vida, pois a mesma está presente em todos os lugares, logo, para ele, a origem da natureza e da vida vem dessa substância e ao longo tempo se transformou em tudo em que conhecemos hoje dando origem a natureza e a vida em geral.

Aristóteles citou em sua obra “Metafísica” sobre a descoberta de Tales de Mileto:

“Tales diz que o principio de todas as coisas é a água, sendo talvez levado a formar essa opinião por ter observado que o alimento de todas as coisas é úmido e que o próprio calor é gerado e alimentado pela umidade. Assim, aquilo de que se originam todas as coisas é o principio delas. Daí lhe veio essa opinião, e também a de que as sementes de todas as coisas são naturalmente úmidas e de ter origem na água à natureza das coisas úmidas.”

Nesse fator, a água em densidades e proporções diferentes teria a capacidade de formar todos os seres e objetos do universo.

 Nesse caminho de um pensamento lógico e racional resultou posteriormente na consolidação da ciência e do pensamento cientifico.

Assim, é o inicio do pensamento “unitarista”, que atribui o principio de tudo (arché) a uma unidade (água).

TEOREMA DE TALES

Como mesmo mencionado, foi através da observação das pirâmides “Quéops” no Egito que Tales chegou à constituição do pensamento de um teorema.

O teorema de Tales basicamente ressalta a ideia que: “As retas paralelas e transversais consequentemente formam segmentos proporcionais”, veja um exemplo na imagem a seguir:

OBSERVAÇÃO E DEDUÇÃO

A partir de dois princípios importantes Tales percebeu que o plantio auxiliado de condições especifica do tempo consequentemente levavam a uma boa colheita por um período do ano, e não através de suplicas aos deuses como mesmo era entendido pela mitologia.

Com a boa colheita consequentemente gerava bons lucros, nesse fator, Tales de Mileto aproveitou de tais conhecimentos e nesse caminho prevendo uma alta produção de oliveiras e pelas boas condições do tempo, comprou muitas moendas de azeitonas na região em que vivia, e quando chegou o verão, os produtores de azeite pagaram a Tales pelo uso das moendas e consequentemente levou o filósofo a ganhar uma fortuna com a produção.

CURIOSIDADE

  • Por mais que Tales de Mileto é considerado o primeiro filósofo dentro da história da filosofia, o mesmo não criou o termo “Filosofia” e não é atribuído a ele o titulo de filosofo.
  • A título de curiosidade quem criou o termo filosofia foi Pitágoras de Samos que viveu em torno de 100 anos depois de tales, e quem atribui o titulo de filósofo a Tales de Mileto foi Aristóteles que definiu os filósofos pré- socráticos como aqueles que buscavam os princípios das coisas.

PRINCIPAIS CITAÇÕES (Frases)

  • A esperança é o único bem comum a todos os homens; aqueles que nada mais tem ainda a possuem.
  • A coisa mais difícil do mundo é conhecer a nós mesmos e a mais fácil, falar mal dos outros.
  • “A água é o principio de todas as coisas.”
  • “A coisa mais bela é o mundo, porque é a obra divina.”
  • “A coisa mais difícil do mundo é conhecer a nós mesmos e a mais fácil, falar mal dos outros.”
Kit Alfabetização Só Escola
TURBINE O APRENDIZADO DO SEU PEQUENO! Com o KIT SÓ ESCOLA seu filho ou aluno vai reforçar e/ou acelerar o processo de alfabetização. São centenas de atividades educativas lúdicas e atualizadas.