Francis Bacon

Kit Só Escola Autismo

Filósofo, político, ensaísta inglês, barão de Verulam, Visconde de Albans, fundador do método indutivo de investigação cientifica, esse foi Francis Bacon um importante filósofo inglês empirista do século XVI e XVII.

A máxima do filósofo é “Saber é poder”, ou seja, é preciso conhecer, experimentar e buscar a verdade, método esse que trouxe grande contribuição a ciência, pois é a busca da verdade através de seu método.

Bacon é considerado o pai do Método Experimental devido as suas contribuições no método de investigação filosófica.

Os estudos do filósofo foram de grande contribuição para a história da ciência moderna, vamos conhecer um pouco da vida de Francis Bacon e suas principais ideias?

BREVE BIOGRAFIA

Biografia de Francis Bacon
Biografia de Francis Bacon

Francis Bacon nasceu na cidade de Londres-Inglaterra em 1561 e veio a falecer no ano de 1626, advindo de uma família de nobres, seus pais Nicholas Bacon e sua segunda esposa Ann Cooke Bacon trabalharam na corte de Elizabeth- I, enquanto o filósofo chegou a ser chanceler na corte de Jaime Stuart.

O filósofo recebeu uma excelente educação por parte de sua família, estudou no colégio “Trinity College” no ano de 1576 e logo após ingressou na universidade de Cambridge formando-se em Direito.

Foi nesse período a qual se tornou uma grande figura na política inglesa, tanto que foi dado a ele o titulo de Visconde de Alban e posteriormente o embaixador inglês da frança.

Com todas essas atividades dentro da vida política, ainda foi conselheiro, procurador-geral, fiscal e como mesmo mencionado, chanceler e guarda do selo, mas nem tudo foi flores na vida do filósofo, no ano de 1621 foi acusado de corrupção, acusação essa que o levou a pagar uma multa milionária e até o levou a ser preso na torre de Londres.

Mas esse acontecimento não o abateu, tanto que anos depois foi considerado uma figura importante em seu país, fator esse que o proporcionou fama, tornando-o um homem respeitado pela sua posição política e suas importantes contribuições nas áreas filosóficas e jurídicas.

Bacon veio a falecer de complicações respiratórias no dia 9 de abril de 1626, deixando o gosto pelo concreto e pela experiência.

PRINCIPAIS IDEIAS

Método Indutivo

Francis Bacon literalmente morreu defendendo as suas principais concepções, o mesmo defendia um empirismo indutivo a qual o conhecimento é apenas conhecido através da experimentação, no processo indutivo a experiência é induzida para ser conhecida, ou seja, colocar os fenômenos em prática para poder tirar conclusões para a ciência.

Francis Bacon dividiu o Método empírico Indutivo em 4 partes: observação rigorosa dos fenômenos das natureza, Organização racional do que foi observado, formulação de hipóteses e por fim a comprovação por meio da experimentação  e da repetição.

Veja ainda: Humanismo Renascentista.

Vamos conhecer um pouco de cada uma delas:

  • A primeira é a observação rigorosa dos fenômenos da natureza, como Francis Bacon era um empirista Nato, na concepção do filósofo é necessário primeiramente observar fenômenos naturais, e assim, através da observação, parte-se para segunda fase do processo.
  • A segunda fase é a organização Racional do que foi observado, nesse contexto é necessário organizar tudo o que foi visto no principio de maneira racional, prática e palpável, adentrando assim a terceira fase.
  • A terceira parte já é a formulação de hipóteses, ou seja, é preciso pensar as diversas possibilidades contidas através da observação e a racionalização, forma essa considerada sistemática.
  • E a quarta parte é a comprovação por meio da experimentação e repetição, é a fase mais necessária, pois para Francis Bacon só é possível comprovar de fato se houver a indução dos fenômenos naturais através de todos os outros processos e por fim passar por um processo de repetição chegando às verdades.

O método empírico indutivo parte dos fenômenos específicos para tentar entender o geral, vejamos um exemplo:

Ex: O pássaro é uma ave e possui penas, portanto, o pato é uma ave e também possui penas, igualmente a galinha que é uma ave e consequentemente possui penas, nesse fator são três exemplos específicos e logo percebendo que esses três  exemplos são aves e possuem penas,  conclui-se que  as aves tem penas.

Nesse exemplo é nítido que se partiu de um caso especifico e observando a sua repetição chegou-se a uma conclusão geral, ou seja, que as aves têm penas.

Em linhas gerais, o método indutivo parte de observações de casos particulares, generaliza e chega-se a uma verdade geral, ou seja, uma lei geral.

Confira também: Adam Smith.

OS QUATRO ÍDOLOS

Mas o mesmo já alertava que o método a partir de influências chamado por ele de “ídolos” são empecilhos que podem atrapalhar a chegar a um método empírico indutivo, com isso, o filósofo especificou quais são os ídolos que podem levar ao erro:

  • O primeiro ídolo é o ídolo da tribo, nesse ponto é preciso tomar cuidado com o próprio pensamento, pois o mesmo pode levar a enganação, ou seja, distorcer o caminho para a verdade e distorcer a realidade.
  • Já o segundo é o ídolo da caverna que representa o gosto pessoal, é preciso ficar atento com a seletividade no processo de experimentação sendo um fator que pode prejudicar e tornar a pessoa que está investigando parcial durante a pesquisa.
  • O terceiro ídolo é o foro, o filósofo alerta que é preciso ter uma linguagem especifica para poder fazer ciência, ou seja, não é possível tratar as coisas simplesmente com qualquer nome, isso faz com que os objetos se confundam e prejudique os métodos.
  • O último é o ídolo do teatro, nessa fase é preciso tomar cuidado com pensamentos de outros filósofos que vieram anteriormente e às vezes apresentam idéias que não se podem comprovar, muitos não se comprometeram pela busca da verdade.

CURIOSIDADE

Francis Bacon morreu através das experimentações, como assim? O filósofo estava realizando uma experimentação com uma galinha e estava tentando observar como era o processo de congelamento da ave em uma época de inverno, e nesse processo Francis acabou ficando doente e adquiriu uma pneumonia e morreu por problemas respiratórios.

RACIONALISMO E MATEMÁTICA

Bacon tinha uma grande desconfiança do racionalismo e a matemática, para ele a idéia racional enfatiza muito as palavras e a matemática enfatiza os símbolos.

Para ele as palavras e símbolos são apenas representações da matéria e não a matéria em si, confiar em palavras e símbolos seria como se apaixonar por uma imagem, para o filósofo só a observação e o registro direto dos fenômenos podem ser confiáveis.

Em linhas gerais, nenhuma teoria, formula matemáticas, crenças, autoridades podem substituir a observação empírica como base segura do conhecimento factual, anos posteriores essa abordagem ficou conhecida como positivismo.

Obras de Francis Bacon

Bacon reuniu obras de suma importância com temáticas diferenciadas como política, literárias, jurídicas, além de suas obras filosóficas, deixando uma vasta produção intelectual:

  • História de Henrique VII
  • Ensaios
  • Da sabedoria dos Antigos
  • Casos de Traição
  • Elementos das Leis comuns da Inglaterra
  • Novo método ou instrumento
  • Grande Restauração
  • Nova Atlântida
  • Das Marés
  • Reflexões sobre a natureza das coisas
  • Classificação das Ciências
  • Antecipação à filosofia
  • Escala do entendimento
  • História Natural e Experimental.

Principais citações de Francis Bacon

“Não há solidão mais triste do que a do homem sem amizades. A falta de amigos faz com que o mundo pareça um deserto.”

“O homem deve criar as oportunidades e não somente encontrá-las.”

“A leitura traz ao homem plenitude, o discurso segurança e a escrita precisão.”

“Não há nada que faça um homem suspeitar tanto como o fato de saber pouco.”

“Só se pode vencer a natureza obedecendo-lhe.”

“Se um homem começar com certezas, ele deverá terminar em dúvidas; mas se ele se satisfizer em começar com dúvidas, ele deverá terminar em certezas.”

Kit Alfabetização Só Escola
TURBINE O APRENDIZADO DO SEU PEQUENO! Com o KIT SÓ ESCOLA seu filho ou aluno vai reforçar e/ou acelerar o processo de alfabetização. São centenas de atividades educativas lúdicas e atualizadas.