Islamismo

O islamismo é a segunda religião mais seguida do mundo, contando com cerca de 1 bilhão de seguidores. A religião tem como principal fundador o profeta “Maomé” que fundou a doutrina por volta do ano de 622 d.C.

A palavra “Islã” deriva do árabe e significa “ submissão”, nesse entendimento, os seguidores da doutrina necessariamente seguem “ Alá” que significa na língua árabe “ Deus”, e quem obedece todos os seus mandamentos são reconhecidos como muçulmanos, não deixando de citar o fato que necessariamente precisam conceber Maomé como principal profeta da doutrina religiosa.

O islamismo centra a sua fé em um único Deus e os principais livros sagrados representam ensinamentos para guiar toda uma sociedade. Os profetas são grandes figuras reveladoras das mensagens de Deus na doutrina, além disso, os islãs acreditam em anjos e no fatalismo.

Vamos conhecer um pouco mais da doutrina?

Islamismo

Como mesmo citado acima Maomé é a principal figura do islamismo, o mesmo nasceu em uma tribo humilde na cidade chamada Meca em torno de 570 d.C.

Durante a sua juventude trabalhou como mercador e nessa fase adquiriu um grande status social e após um longo período nessa função, chegou à vez de receber o chamado do Anjo Gabriel, nessa fase Maomé já estava com os seus 40 anos de idade.

O anjo Gabriel enviou a mensagem que existe apenas um Deus e que Maomé seria um profeta, aquele que irá propagar inicialmente a fé de Alá, ou seja, foi dada a ele a missão de transmitir e conduzir o seu povo ao caminho da fé, principalmente desviando do idolatrismo, feito isso, o povo encontraria o verdadeiro caminho de Deus.

Durante a sua trajetória de propagação da religião Maomé teve que enfrentar diversos opositores, principalmente das tribos locais e pessoas relacionadas às classes altas de comerciantes da época que lucravam com a peregrinação do politeísmo, Juntamente com os seus seguidores Maomé migrou por diversas regiões diferentes, dentre elas podemos citar Medina, cidade essa considerada quase vizinha de Meca, quase não, pois a mesma ficava cerca de 300 km de distância, ou seja, foi uma caminhada bastante longa, nesse local Maomé ganhou abrigo e apoio das tribos locais.

A migração realizada até a cidade de Medina ficou conhecida como “Hégira”, contexto esse que ocorreu em 622 d.C e ficou marcado como o momento da fundação da religião e consequentemente dando inicio ao calendário islâmico. Engraçado que ao conhecer culturas e segmentos diferentes ficamos impressionados com tantas descobertas, tanto que nos dias atuais o calendário dos islâmicos está no ano de 1438.

Foi na cidade de Medina que Maomé foi se colocando e ficando reconhecido como a principal figura do segmento religioso, tanto que o mesmo tornou-se chefe de uma nova comunidade religiosa que estava surgindo na época.

Lembra da resistência sofrida por Maomé no começo da sua peregrinação? Com o seu reconhecimento, no ano de 629 d.C ele volta para Meca e é recebido com grande afeto e alegria dos povos.

Nesse contexto, finalmente Maomé ficou conhecido como uma das principais figuras da religião e o fundador do islamismo, o mesmo veio a falecer em 632 d.C, deixando grandes mensagens transmitidas por “Alá” ao povo.

A religião foi bastante propagada principalmente na Península Ibérica, na Europa, o leste asiático e o norte da áfrica.

ALCORÃO

O principal livro sagrado do islamismo é o “Alcorão” ou até mesmo conhecido como “ Corão” o livro contem os principais ensinamentos deixados por Deus, ensinamentos esses revelados a Maomé visto como grande profeta.

O livro conta com uma grande coletânea embasada nas mensagens e principais ensinamentos de Deus, o alcorão foi traduzido para a língua árabe nos anos de 610 a 632 d.C.

Durante todo esse tempo, o livro não sofreu nenhuma alteração se quer, pois é visto como sagrado e imodificável, pois contem as principais mensagens deixadas pelo Anjo Gabriel a Maomé, e assim deve ser preservada.

Em toda história, o alcorão pode ser visto como o livro mais extenso dentre as outras religiões, contem cerca de 114 “ suratas” que significa “ capítulos”, esses mesmos capítulos variam de tamanho, o primeiro é uma introdução mais curta que contem uma breve oração, já as demais são mais longas.

Nesse sentido, por conter diversas “suratas” o alcorão é dividido por uma ordem cronológica invertida, pois as primeiras mensagens relevadas ao profeta foram menores.

O alcorão é a principal fonte de conhecimento dos ensinamentos deixados pela doutrina, aqueles que seguirem os seus ensinamentos terão lugar garantido no paraíso, mas aqueles que ignorassem as principais mensagens deixadas por Deus, encontrariam um cenário nada agradável no inferno.

GRUPOS DO ISLAMISMO

O islamismo possui dois principais grupos chamados de “sunitas” e “ xiitas” . O grupo formado pelos sunitas é o mais popular, contando com cerca de 90 % de seguidores muçulmanos, o grupo também pode ser conhecido como aqueles que seguem plenamente a coletividade, ou seja, “Povo do suna e da coletividade, os mesmos acreditam que a palavra de Maomé deve ser levada pelos seus seguidores independente de laços de parentesco.

A palavra suna significa “caminho percorrido”, ou seja, caminho percorrido de acordo com os ensinamentos deixados por Maomé.

O grupo xiita diferentemente dos sunitas acreditam que apenas parentes de Maomé tem condições de liderar a propagação da fé islâmica e a mesma  se constituiu através de uma disputa  de quem assumiria a liderança das comunidades islâmicas após a morte de Maomé , dentre o grupo xiita, ao longo do tempo surgiram outras variantes e subdivisões do grupo.

OS PRINCIPAIS PILARES

Como sabemos o islamismo se constituiu através de leis sagradas chamadas de “ Sharia” que em nossa língua significa a “  estrada”, estrada essa a qual  Deus concebeu a mensagem que todos os seguidores do islamismo devem seguir, seguindo-a consequentemente trilharão um caminho de paz de espírito e libertação, alcançando a vida eterna.

A lei sagrada orienta todos os aspectos da vida humana, nesse sentido a mesma comporta os cinco pilares que devem ser seguidos para conhecer verdadeiramente a fé em Deus, contidos em deveres religiosos e essenciais.

Vamos conhecê-los?

Profissão da fé

A profissão da fé é um dos principais credos do islamismo a qual cita: “Só há um Deus e Maomé é seu profeta”.

Preces Rituais

Como algumas religiões os muçulmanos devem seguir alguns rituais no dia a dia, como a oração, sendo necessário ser praticado pelo menos cinco vezes ao dia voltado para a Meca, visto como um dos momentos mais importantes, esse momento é dividido em cinco períodos do dia, ao nascer do sol, ao meio dia, durante a tarde, ao por do sol, e a noite ao se deitar.

Doações

Os muçulmanos dão bastante atenção no fator de doações aos mais necessitados, tanto que todo o ano eles recebem uma contribuição anual conhecida como “zakat”, oferecida a população mais carente.

Jejum

O jejum é praticado em uma fase chamada de Ramadã, é o mês a qual os muçulmanos jejuam diariamente e apenas comem o necessário durante o dia, ou até mesmo nada, sendo que alguns proíbem o consumo de bebidas, alimentos e cigarro, apenas crianças e idosos não são obrigados a jejuar. O jejum é realizado logo de manhã ao nascer do sol e até ao cair da noite.Peregrinação: Como muitos pensam a peregrinação não é um habito diário do muçulmano, sendo que é preciso realizá-lo pelo menos uma vez na vida, a Meca continua sendo um dos principais pontos de peregrinação. Nessa fase os muçulmanos realizam uma espécie de circuncisão em volta do santuário sagrado por sete vezes localizado no pátio da mesquita na Arábia Saudita.

Kit Alfabetização Só Escola
TURBINE O APRENDIZADO DO SEU PEQUENO! Com o KIT SÓ ESCOLA seu filho ou aluno vai reforçar e/ou acelerar o processo de alfabetização. São centenas de atividades educativas lúdicas e atualizadas.