Capivara

Kit Só Escola Autismo

A capivara é um importante mamífero originário nativo da América do sul e considerado o maior roedor de todo o mundo, essas espécies geralmente gostam de viver as margens de rios e lagoas, e se alimentam apenas de folhas, ou seja, são herbívoros.

Além de serem conhecidos pelo nome de “Capivara” também são chamados em alguns lugares de “carpincho ou capincho”, o nome deriva da língua tupi que significa “ comedor de capim”, esse animal é considerado o maior roedor de todo planeta.

Vamos conhecer um pouco mais dessa espécie tão interessante?

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS  

As capivaras fazem parte da família (Caviidae) e da subfamília chamada de (Hydrochoerinae), mas alguns estudiosos não apontam essas ligações familiares, e sim, acentuam que essas espécies possuem uma família própria. Como mesmo dito, as capivaras estão incluídas em grupos de roedores como as pacas, cutias, os preás, os ratos, os coelhos e o famoso porquinho-da-índia. Veja abaixo as suas principais características:

  • Nome: A capivara além de possuir esse nome bem característico, possui também um nome cientifico: (Hydrochoerus Hydrochaeris)
  • Peso: Esses animais podem chegar a pesar cerca de 35 a 66 kg na idade adulta.
  • Alimentação: São considerados Herbívoros.
  • Comprimento: O seu comprimento pode chegar entre 1,1 a 1,3 m, dependendo da fase da vida, já a altura equivale a 50-64 cm já na fase adulta.
  • Espécie: A capivara é uma espécie de roedor, visto como um dos maiores roedores do mundo.
  • Habitat Natural: São semi-aquáticos e a grande maioria vive as margens de lagos e rios.
  • Estatura: Em sua estatura possuem pequenas membranas entre os dedos que auxiliam na natação. Os olhos, nariz e ouvidos são dispostos na mesma linha, facilitando a observação, principalmente quando estão na água.
  • Gestação: Quando estão no período gestacional pode durar em 130-150 dias, ou seja, até 5 meses de gestação.

Além dessas características importantes, não podemos deixar de mencionar as suas características físicas, não é? As capivaras possuem pelos grossos com uma coloração castanha avermelhada, apesar de possuírem um tamanho até significativo, geralmente são considerados animais dóceis e calmos, e só atacam quando se sentem ameaçados por algo ou alguém:

Felizmente a espécie segundo dados atuais não correm risco de extinção, apesar de que e em algumas localidades as capivaras não são tão presentes ou até mesmo inexistentes.

HÁBITOS E MODO DE VIDA

Como mesmo mostra o vídeo abaixo realizado através de uma reportagem sobre as capivaras, esses animais são muito sociáveis, geralmente gostam de andar em bando cerca de 10 a 30 capivaras, sendo que o macho que comanda o grupo.

Se você quiser encontrar capivaras, arrisque ir às margens de rios e lagoas, são os lugares preferidos para essa espécie, geralmente são mais encontrados nos países da America do sul como Argentina, Paraguaia, Brasil, Colômbia, Peru, Bolívia, dentre outros, nos países como Chile são mais difíceis de serem achados.

Devido a sua forte relação com a natureza e a água, esses animais regulam a sua temperatura através da mesma, não esquecendo, que a sua copula reprodutiva também é um fator importante e todo esse período acontece nas margens dos rios.

REPRODUÇÃO DAS CAPIVARAS

Como mesmo mencionado a gestação da capivara ocorre por um longo período de tempo chegando a ficar 150 dias em processo gestacional, fator esse que também pode ser considerado recorde em vista de outros roedores que não chegam a esse tempo de gestação, como por exemplo, os coelhos e os  ratos,o período gestacional desses roedores  dura apenas 1 mês, ou seja, 30 dias para o nascimentos dos filhotes.

A capivara fêmea dependendo da sua anatomia corporal possui cerca de 5 a 6 pares de tetas que servem para a alimentação dos filhotes.

Uma curiosidade, é que um filhote de capivara já nasce com pelos e dentes, chegando a pesar cerca de um quilo e meio, as capivaras fêmeas geralmente são cuidadosas e super protetoras com os seus filhotes, os filhotes  ficam sob proteção de seus genitores por cerca de 3 meses a quatro meses, logos após esse período, ganham a sua independência.

O ápice de maturidade sexual das capivaras é diferente de acordo com o gênero, ou seja, a capivara fêmea pode atingir essa maturidade entre 10 a 12 meses, já a maturidade do macho é mais tardia entre os 15 a 24 meses de idade.

 A reprodução da capivara acontece geralmente nas margens de um rio ou lagoa, e um fato curioso é que essa espécie possui uma fertilidade muito grande, em média dão a luz a três filhotes a cada gestação,

Veja mais em: Biologia.

ALIMENTAÇÃO

As capivaras se alimentam de ervas de pastagens, folhas, frutos, e até mesmo de algumas plantas aquáticas, devido o seu habitat natural.

Geralmente a digestão desses roedores é gradual e lenta, assim, também ingerem fezes para complementar a alimentação, processo esse chamado de “coprofagia”. A partir disso, os alimentos são digeridos e os nutrientes necessários recebidos.

A espécie pode chegar a ingerir mais de 5 kg de comida, claro, dependendo do seu tamanho, a alimentação ocorre principalmente no período da tarde. 

ALIMENTAÇÃO CAPIVARA

VOCÊ SABIA?

Você sabia que uma capivara tem uma expectativa de vida entre 15 anos de idade? Geralmente seus maiores predadores são as cobras, os jacarés, os cachorros-do-mato, jaguatiricas e onças.

Existem locais que a presença desses predadores é muito freqüente, devido a isso, a quantidade de capivaras podem dobrar, ocasionando alguns problemas, principalmente na agricultura, isso acontece pelo fato que as capivaras não possuem espaço suficiente para se reproduzirem, e acabam invadindo outras  terras cultivadas.

Nesse contexto, para que não haja o aumento excessivo dessas espécies, é praticada a caça, tanto que a carne da capivara é considerada diferente e até mesmo exótica, podendo custar um expressivo valor comercial.

Além de serem caçadas para a venda da sua carne, também servem para a produção de bolsas, carteiras, roupas, dentre outros objetos de couro.

Absurdo, não é?

Tanto que o código de caça, Lei 5197/67 de 3 de janeiro, cita:

Art. 1º. Os animais de quaisquer espécies, em qualquer fase do seu desenvolvimento e que vivem naturalmente fora do cativeiro, constituindo a fauna silvestre, bem como seus ninhos, abrigos e criadouros naturais são propriedades do Estado, sendo proibida a sua utilização, perseguição, destruição, caça ou apanha. 

Art. 3º. É proibido o comércio de espécimes da fauna silvestre e de produtos e objetos que impliquem na sua caça, perseguição, destruição ou apanha.

Portanto, caçar capivara é crime AMBIENTAL!

Kit Alfabetização Só Escola
TURBINE O APRENDIZADO DO SEU PEQUENO! Com o KIT SÓ ESCOLA seu filho ou aluno vai reforçar e/ou acelerar o processo de alfabetização. São centenas de atividades educativas lúdicas e atualizadas.